História

O casal, Vera e Telmo, em meados de 2000, comprou uma área de 48 000m2, no alto de um morro, totalmente desprovida de qualquer benfeitoria, não havia estrada, água, energia e muito menos árvores, apenas uma vegetação rasteira. Fora o sol escaldante e a chuva fria.

 

Com muito trabalho e dedicação dia após dia tudo foi nascendo, florescendo e colorindo, o que até então, se tornava apenas o “Sítio da Vovó”.

O trabalho para manter tudo sempre impecável foi grande. Contaram com a ajuda e orientação de grandes amigos, em especial o Sr João Cabral, que colaborou doando mudas de árvores em extinção como mogno, cedro rosa, sapucaia, peroba rosa e pau brasil. Várias outras espécies adquiriram por onde passavam em suas viagens e passeios, de norte a sul deste país. Mas em grande parte do tempo, a mão de obra foi quase exclusiva do casal, que cuidava de tudo com muito amor, e recebiam a todos com um sorriso no rosto, café fresco e uma alegria que contagiava qualquer um que os presenteasse com uma visita.

Hoje, depois de anos de trabalho e dedicação, o sonho concretizado torna esse local um refugio mágico! Animais de várias espécies habitam e fazem com que a natureza continue seu ciclo de vida com muita harmonia e tranquilidade que o espaço oferece.

E foi assim que Vera e Telmo resolveram abrir as portas de sua casa dando a oportunidade de todos desfrutarem deste lugar que, além do “Sítio da vovó”, eis que surge a Morada da Siriema, um lugar para renovar, descansar, divertir e respirar o mais puro ar.

 

Morada da Siriema - Todos os direitos reservados - 2017
contato@moradadasiriema.com.br
Agência R2